Sírio-Libanês Ensino e Pesquisa lança curso a distância de Cuidador de Idoso

O Sírio-Libanês Ensino e Pesquisa lança o curso a distância Cuidador de Idoso dentro de sua nova grade de cursos EAD. A formação é voltada para pessoas com idade igual ou superior a 18 anos com interesse na área e que completaram o ensino fundamental, além de profissionais da saúde, como auxiliares e técnicos de enfermagem. Com isso, o curso oferece uma formação específica e certificação para quem ainda não a tem, apesar da experiência na área.

A coordenadora do curso, Lilian Schafirovits Morillo, geriatra do corpo clínico do Sírio-Libanês, conta que o curso abordará temas como o processo de envelhecimento e o papel do cuidador, destacando pontos importantes como os sinais de alerta em que é necessário solicitar ajuda médica, os riscos da medicação sem orientação do profissional adequado, a forma correta de ministrar remédios e organizar estoques, os cuidados com a pele, a prevenção de quedas e as principais doenças entre idosos. “O nosso principal compromisso é com a qualidade na formação e no cuidado com o idoso. Nossa experiência e excelência dentro do Hospital Sírio-Libanês com a geriatria será amplamente compartilhada durante esta formação”, afirma Lilian.

Christian Fassel Tudesco, superintendente de operações do Sírio-Libanês Ensino e Pesquisa, lembra que o curso é o início da carreira, com informações para que as pessoas que não atuam na área conheçam a profissão. Porém, ele lembra que a busca contínua por formação deve ser permanente. “Aqui no Sírio-Libanês Ensino e Pesquisa, por exemplo, temos outros cursos, presenciais, para quem quer seguir nesta área”, diz, citando os cursos Cérebro Ativo, que tem por objetivo promover a saúde cerebral de adultos e idosos, além de cursos de pós-graduação em geriatria voltados para médicos e outros profissionais da área de saúde.

Envelhecimento

A população brasileira está vivendo mais, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A expectativa de vida de quem nascer em 2019, por exemplo, é de 80 anos para mulheres e 73 anos para homens. Além disso, projeções do IBGE feitas com base no Censo de 2010 indicam que, até o ano passado, 0,12% da população brasileira era formada por homens com 90 anos ou mais e 0,24% por mulheres com a mesma idade.

Esse aumento na expectativa de vida impulsionou a profissão de Cuidador de Idoso. De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, de 2007 a 2017 foi registrado um aumento de 547% entre o número de cuidadores, saltando de 5.263 para 34.051.

SERVIÇO EAD Cuidador de Idosos

Duração: 20 horas – a partir da inscrição, o acesso fica disponível para que o aluno conclua os estudos no prazo que considerar mais adequado
Inscrição e mais informações: http://eadsiriolibanes.org.br/#cuidados-de-idosos

Valor: R$ 300,00

Foto: reprodução

Curso de informática específico para idosos ganha adeptos em Manaus

O Curso de Informática para a Terceira Idade do Senac Amazonas vem ganhando espaço e cada vez mais adeptos. A flexibilidade do horário, o atendimento individual e o preço acessível são pontos favoráveis da modalidade. O curso, que tem na ementa Windows, Internet e Rede Sociais, custa o valor de R$ 140.

A modalidade é ofertada nas unidades do Senac Centro, Chapada e Cidade Nova, por meio da Escola Interativa. O espaço é exclusivo para alunos que buscam qualificação e ensino, mas que preferem fazer o seu horário de estudo, como a aposentada Itelvina Leny dos Santos , 73.

“Eu tenho achado o curso muito bom. Tenho aprendido tanto. Temos liberdade para chegar a hora que quer, ficar só no computador, sem ninguém cutucando. Eu acho melhor assim. Aqui é só, tem que aprender só. O resultado final é meter a cara pra saber mesmo”, disse Itelvina.

A “jovem” estudante, como ela se intitula, que já fez cursos de corte e costura, datilografia, bordado e culinária, dessa vez se desafiou e afirma está contente com a escolha e promete não parar por aqui.

“Eu tenho muita dificuldade em lidar com o celular, com as coisas novas de tecnologia. Tinha que ficar pedindo dos outros. Pensei comigo mesma: Não, vou é aprender esse negócio. Quando terminar esse, vou pro avançado. Não vou sair daqui tão cedo”, brincou.

Para a doméstica Rosalba Souza, 54, o curso de informática básica é uma oportunidade. Ela frequenta a unidade do Senac duas vezes ao dia e, no seu tempo, adquiri o conhecimento desejado para conquistar a volta para o mercado de trabalho.

“Chego aqui e faço meus trabalhinhos sem pressa. Escrevo tudo, respondo as perguntas e vou aprendendo. Fiquei muito tempo parada, pensava muito no trabalho e, agora, estou aproveitando meu tempo. Meu ex-patrão quer me chamar pra distribuidora dele e pediu pra eu fazer o curso, estou me preparando”, contou eufórica.

Tempo

De acordo com o professor Rodrigo Silva, que acompanha os alunos na unidade do Senac Chapada, os idosos optam pelo curso devido a flexibilidade do tempo e liberdade no momento do aprendizado.

“A principal diferença dos cursos da Escola Interativa é essa, a flexibilidade de horário. Outros pontos que são destacados por eles também são questões como acompanhamento individual, o início imediato e a liberdade de aprender só não necessariamente precisa esperar fechar uma turma pra começar”, destacou.

Além do curso de informática para idosos, a Escola Interativa Senac oferta cursos presenciais de digitação, criação de games no Construct 2, criação de artes gráficas, técnicas para secretárias, práticas administrativas de escritório, departamento pessoal, informática kids e outros.

Foto: Fecomércio/Ascom